REMOÇÃO DE ALUMÍNIO EM ÁGUAS PARA ABASTECIMENTO PÚBLICO POR MEIO DE PRECIPITAÇÃO QUÍMICA COM HIDRÓXIDO DE CÁLCIO.

Sérgio Carlos Bernardo Queiroz, Magno do Nascimento Pimenta, Giulliano Guimarães Silva, Victor Garcia, Aristides Oliveira

Resumen


A presença de um residual de alumínio nas águas de consumo tem-se tornado objeto de preocupação devido a sua relação a doenças do foro neurológico (como a neuro degeneração, encefalopatia, demência dialítica, doença de Alzheimer e alterações neuro comportamentais) e na possível contribuição para a formação de turvação no final do tratamento, reduzindo, assim, a eficiência do processo de desinfecção. Uma vez que as espécies de alumínio presentes na água podem apresentar maior potencial de biodisponibilidade e serem mais facilmente absorvidas pelo trato gastrointestinal. O objetivo principal desse trabalho foi estudar a remoção do íon metálico Al3+ presente em água destinada para abastecimento, utilizando o Hidróxido de Cálcio como agente coagulante, devido a alta disponibilidade, baixo custo e complexidade do mesmo. Ao aumentar o pH, o Ca(OH)2 acarreta a precipitação química do alumínio pela formação de precipitado gelatinoso de hidróxido de alumínio. A metodologia realizada por meio de ensaio em Jarteste, avaliou duas tecnologias de tratamento: a filtração direta e o tratamento convencional (ciclo completo), ambas usando o Ca(OH)2 como agente coagulante. A água de estudo foi proveniente de solução sintética de alumínio preparada em laboratório por diluição em água destilada. Os resultados mostraram que para atender os níveis preconizadas pela portaria 2,914/2011 do Ministério da Saúde do Brasil, ou seja, concentração abaixo de 0.200 mg/L de Al em água para abastecimento e pH entre 6.0-9.5, deve-se optar pela precipitação química com Ca(OH)2 na tecnologia de filtração direta. A mesma mostrou-se superior a tecnologia de tratamento convencional em termos de remoção de alumínio, sendo necessário apenas 2 mg/L de Ca(OH)2 a 0.5% para chegar à 0.179 mg/L, ou seja, abaixo do limite preconizado.


Palabras clave


Remoção de alumínio, Ca(OH)2, tecnologia de tratamento convencional, tecnologia de filtração direta. Key Words: Aluminum removal,Ca (OH)2, conventional processing technology, direct filtration technology.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22201/iingen.0718378xe.2016.9.1.50062